domingo, 6 de janeiro de 2008

Agradecimentos do projeto A arte faz História

Os alunos do projeto A arte faz História agradecem o apoio do DAHIS Manuel Correia de Andrade, dos professores do DLCH e em especial aos alunos da graduação que participaram e prestigiaram a apresentação da mais nova produção do grupo: "Lá no alto da favela". Esta produção contou com o apoio do grupo de capoeira Angola da UFRPE e o grupo Acauã da Escola Municipal Henfil.
Mesmo com todos os percalços, o evento foi um grande sucesso, conseguindo reaizar uma abordagem crítica e didática acerca da cultura afro-brasileira.
Mesmo felizes com o sucesso da peça, não podemos deixar de registrar o mal procedimento do motorista do ônibus que trouxe os alunos da Escola Henfil, o Sr. Júnior Vieira, que os tratou de forma grosseira, causando inclusive danos materiais, físicos e morais às crianças e adolescentes da comunidade escolar.
Gustavo "Mccartiney" é estudante
do 6º período de História

Um comentário:

Alexandre disse...

Bem, nós coordenadores do D.A., e alunos da grad. de história é que temos de agradecer pelo empenho e pela qualidade do trabalho realizado pelo grupo Arte faz história.
Sabemos das imensas dificuldades enfrentadas por vocês, que vai desde a falta de tempo a inexistência de local próprio para ensaios, passando por falta de grana também, entretanto vocês fazem juz a expressão de Euclides da Cunha "O sertanejo é antes de tudo um forte", que eu adapto para "O estudante de Universidade pública é antes de tudo um forte". Espero que este semestre as coisas sejam mais fáceis, porém se não vier ha ser estamos de pé para lutarmos juntos.
Um grande abraço a todos do Arte faz história.